UMinho entrega Prémios de Mérito Desportivo
Quinta-feira , Julho 9 2020 Periodicidade Diária nº 2507
Principal / Desporto / UMinho entrega Prémios de Mérito Desportivo

UMinho entrega Prémios de Mérito Desportivo

A Universidade do Minho vai premiar mais uma vez os seus estudantes que conjugaram a excelência desportiva com o sucesso académico em 2017/2018. Ao todo serão distinguidos, com os Prémios de Mérito Desportivo, 63 estudantes atletas que obtiveram resultados de excelência em 15 modalidades. O Andebol e o Futsal foram as modalidades com mais premiados: 10 no total.

A cerimónia de entrega dos Prémios de Mérito Desportivo da época 2017/2018 realiza-se este sábado, dia 26 de janeiro, pelas 11h30, no Restaurante Panorâmico da UMinho, no Campus de Gualtar, em Braga. A sessão conta com a presença do pró-reitor da UMinho, Paulo Cruz, do administrador dos Serviços de Ação Social, António Paisana, do presidente da Associação Académica, Nuno Reis, do presidente da Federação Portuguesa de Futebol, Fernando Gomes, da vereadora do Desporto da Câmara Municipal de Braga, Sameiro Araújo, do vereador do desporto da Câmara Municipal de Guimarães, Ricardo Costa, responsáveis da Reitoria, presidentes de Escola e diretores de Curso, responsáveis universitários, políticos e desportivos locais e nacionais, entre outros.

Este será, sobretudo, um momento de homenagem aos estudantes atletas que, a título individual ou coletivo, conseguiram lugares de pódio nos Campeonatos Internacionais Universitários ou se tenham sagrado Campeões Nacionais Universitários e que, ao mesmo tempo, tenham obtido aproveitamento a mais de 50% dos créditos no respetivo ano académico.

Estes prémios estão indexados ao valor da propina anual. O montante do prémio varia entre o valor integral da propina para os estudantes que conquistaram medalhas de ouro em competições internacionais universitárias, e 12,5% do valor integral da propina, no caso dos estudantes que se sagraram campeões nacionais universitários em modalidades coletivas ou provas por estafetas.

Os 63 estudantes premiados vão receber a bolsa e os respetivos certificados que atestam a sua excelência na vertente desportiva e académica. Estes surgem de 35 cursos da UMinho, sendo que é do Mestrado Integrado em Engenharia Eletrónica Industrial e Computadores que vem o maior número de premiados: oito. A Licenciatura em Biologia Aplicada, o Mestrado Integrado em Engenharia Biomédica e o Mestrado Integrado em Medicina elegeram quatro, e o Mestrado Integrado em Engenharia e Gestão de Sistemas de Informação, o Mestrado Integrado em Engenharia Informática e o Mestrado Integrado em Engenharia Mecânica elegeram três. As três escolas mais representadas nos eleitos deste ano são a Escola de Engenharia (33), a Escola de Ciências (13) e a Escola de Economia e Gestão (6).

O Taekwondo cedeu o lugar ao Andebol (campeões nacionais) e ao Futsal (vice-campeões europeus) como modalidades que mais atletas viram eleitos para receber o prémio. Na segunda posição, em ex aequo, ficaram as modalidades de Floorball, Kickboxing e Taekwondo que elegeram 7 e na terceira posição ficou a Natação que elegeu 5. Destes 63 estudantes que vão receber o prémio, 13 são do sexo feminino e 50 são do sexo masculino.

Ao todo, os Serviços de Ação Social da Universidade do Minho vão oferecer um valor total de 13.353,15€.

O programa da cerimónia inclui as intervenções do presidente da Federação Portuguesa de Futebol, Fernando Gomes, e do jogador do Rio Ave FC e fundador do projeto “A Minha Causa”, Tarantini.