SC Braga regressa aos treinos na segunda-feira
Quarta-feira , Julho 8 2020 Periodicidade Diária nº 2506
Principal / Desporto / SC Braga regressa aos treinos na segunda-feira

SC Braga regressa aos treinos na segunda-feira

Foto: SC Braga

A cumprir o isolamento social desde o dia 6 de abril, o SC Braga vai regressar na segunda-feira ao trabalho, com um protocolo de retoma dos treinos que prevê a realização de dois testes a jogadores, treinadores e staff, já esta sexta-feira, 24 de abril. O resultado destes dois testes serão feitos por um laboratório externo e certificado para o efeito.

O protocolo de retoma do clube bracarense tem em conta “todas as recomendações das autoridades sanitárias” e garante “todas as condições de higiene e segurança em toda a Cidade Desportiva”.

Protocolo do SC Braga:

Concluído o período de férias em confinamento social que decorre desde 6 de abril e termina esta sexta-feira, a equipa principal de futebol do SC Braga vai regressar aos treinos na próxima segunda-feira, dia 27, tendo estabelecido para o efeito um protocolo de retoma em total concordância com o decreto-lei n.º 14-A/2020, que à luz da revisão de 2 de abril permite a prática desportiva para os atletas profissionais.

O protocolo de retoma do SC Braga tem ainda em conta todas as recomendações das autoridades sanitárias e garante a jogadores, treinadores e ao staff necessário para as atividades da equipa totais condições de higiene e segurança em toda a Cidade Desportiva, que passa a ser a estrutura de trabalho da equipa principal e que no futuro próximo funcionará de forma exclusiva e dedicada para esta formação.

Antes do regresso aos treinos individualizados, o SC Braga vai proceder, esta sexta-feira, ao rastreio de todos os atletas e funcionários a envolver na logística de treino, de forma a validar a sua reintegração na retoma da atividade. O resultado destes dois tipos de testes, a realizar por laboratório externo e certificado para o efeito, é condição essencial para o regresso ao trabalho de cada jogador e de cada membro do staff, procedendo-se da seguinte forma:

  • Teste da Zaragatoa/PCR com colheita nasofaríngea (para testar infeção ativa) e teste serológico/picada de sangue (para testar imunidade);
  • No piso superior da Cidade Desportiva (junto ao parque de estacionamento) haverá três bancas de colheita, amplamente separadas entre si para permitir a segregação dos elementos a testar. Todos os jogadores e elementos do staff receberão previamente a informação da banca de colheita à qual se devem dirigir e após a realização dos testes aguardarão na viatura pelo resultado do teste serológico, recebendo mais tarde o resultado do teste da zaragatoa.

Sendo o resultado negativo nos testes condição essencial para o regresso, o protocolo de retoma prevê ainda um vasto conjunto de medidas para assegurar que a logística em torno da equipa garante totais condições higiénicas e sanitárias e respeita as orientações da Direção-Geral da Saúde.

Assim, será feita a higienização prévia e regular de todo o edifício da Cidade Desportiva, bem como dos circuitos externos e das instalações de treino, respeitando-se ainda as normas de distanciamento social e o uso de material de proteção individual. Não será permitida a utilização de elevadores, pelo que serão abertos todos os circuitos de passagem (para evitar contacto com puxadores e interruptores) e colocados pontos de gel desinfetante em vários locais estratégicos.

Estando obviamente proibido o acesso à Cidade Desportiva por elementos externos à estrutura profissional do SC Braga, haverá também áreas restritas e serão definidos circuitos para reduzir ao máximo as áreas de contacto dos atletas. Para além de sinalética e fitas delimitadoras, todos os atletas saberão previamente os circuitos que devem efetuar à chegada, no percurso para o campo de treino e no regresso do mesmo, que prevê ainda áreas de depósito do calçado e diferentes escadas de acesso.

Todos os jogadores preencherão questionários regulares para avaliar sinais de infeção relativos aos próprios e aos elementos próximos ou coabitantes e serão sujeitos, diariamente, a medição da temperatura corporal à entrada na Cidade Desportiva, para registo e controlo do Departamento Médico e com protocolo estabelecido em função de eventual situação anómala.

A Cidade Desportiva dispõe de dez balneários, mas nesta primeira fase os treinos de campo serão individualizados. Para tal, estão definidos dois horários de treino (9h30 e 11h15) e serão utilizados sete campos, dois deles para treino específico de guarda-redes e para trabalho muscular, sempre que necessário. Cada jogador receberá, de véspera, informação precisa sobre o seu horário de treino e o seu campo.

A distância mínima de 10 metros entre jogadores/treinadores será sempre verificada, sendo que cada atleta terá a sua própria bola e o seu próprio material de treino. Para reposição hídrica, serão colocadas garrafas individuais em cada canto dos campos de treino.

Durante este período, o SC Braga vai manter o serviço de entrega de refeições no domicílio e continuará a prestar todo o auxílio logístico de que os jogadores e as suas famílias necessitem. O cumprimento do protocolo de retoma elimina o potencial de contágio nas instalações do Clube, mas para a eficácia do mesmo é fundamental que fora do período de treino os atletas e os membros do staff cumpram o isolamento social.

O SC Braga respeitará as deliberações legislativas e as indicações das autoridades sanitárias para a transição, logo que possível, para a fase de treinos de grupo com contacto.

A equipa principal de futebol é a única estrutura do SC Braga a regressar ao trabalho nesta fase, recorrendo apenas a um grupo de funcionários muito restrito para a logística dos treinos. Toda a restante estrutura do Clube e da SAD, incluindo todos os departamentos e todas as equipas desportivas, continuarão a cumprir, até final do mês de maio, as normas em vigor para isolamento social.”