Partido Socialista opõe-se à entrega de 50 hectares para eucaliptos
Sexta-feira , Maio 29 2020 Periodicidade Diária nº 2466
Principal / Freguesias / Partido Socialista opõe-se à entrega de 50 hectares para eucaliptos

Partido Socialista opõe-se à entrega de 50 hectares para eucaliptos

A apresentação de Sérgio Antunes como cabeça de lista do PS à Assembleia de Freguesia de S. Mamede e S. Pedro d’Este decorreu esta segunda-feira, na presença de Miguel Corais. O candidato à Câmara Municipal de Braga exaltou a coragem e entusiasmo de toda a equipa, manifestando o seu apoio e antevendo uma vitória no dia das eleições, uma vez que ela possui “novas ideias e tem uma nova ambição para o Vale do Este”. Afirmou ainda que é com eles e com a sua dedicação “que no dia 1 de outubro venceremos, para pormos em prática uma nova ambição e a verdadeira mudança que Braga precisa”.

O candidato à União de Freguesias e os mais destacados elementos da sua equipa, responsáveis pela criação de um Movimento de Cidadania com o apoio do PS, encontram-se “frontalmente contra a entrega dos montes a um fabricante de papel, durante 24 anos, em troca de onze mil euros e de 50 hectares de eucaliptos”, pretendendo “uma freguesia verde, que preserve o rio Este, onde sejam criados parques naturais e a floresta gerida por uma comissão de baldios”.

Para Sérgio Antunes, a escolha dos eleitores é fácil, “querem mais do mesmo, continuem. Se querem um novo rumo, têm aqui uma equipa experiente para combater algumas falhas básicas inadmissíveis no século XXI”.

O cabeça de lista afirmou ainda que o “parque escolar está miserável”, sublinhando que, embora o ambiente seja a bandeira principal desta candidatura, a terceira idade não pode ser ignorada, pois “não faz sentido nenhum não existir um Centro de Dia ou haver ainda casas sem saneamento básico e caminhos onde não passa uma ambulância”. Olhando para o programa eleitoral de há quatro anos, afinal “o que foi feito aqui? Nada”.

A respeito do parque escolar, Miguel Corais comprometeu-se a dar prioridade à requalificação desta escola em particular, mas também a assegurar que todas as escolas EB1 do concelho irão ter equipamentos informáticos para o ensino das Tecnologias de Informação.

Outra das inquietações do cabeça de lista à União de Freguesias reside na incapacidade destas fixarem os jovens devido aos preços elevados dos terrenos para construção de habitação, sendo urgente por isso “criar lotes a preços controlados, de forma séria, honesta e transparente, num exercício do poder com mais proximidade, maior inovação e mais rigor”.

O agora candidato não esqueceu o apoio ao movimento associativo “para elevar mais o nome das nossas freguesias, o diálogo com os empresários para, em cooperação, gerar mais emprego e formação, além de resolver o problema da viatura de transporte para os grupos desportivos”.

O cabeça de lista concluiu deixando uma palavra de agradecimento a Miguel Corais e a Artur Feio porque “nunca desistiram de nós” e comprometeu-se a combater as “estagnação dos últimos anos em S. Mamede e S. Pedro d’Este, com uma equipa jovem e disponível para a luta em liberdade de opção. As nossas gentes merecem mais”.

Acerca Braga TV