CDU acusa Câmara Municipal de esquecer Monte de São Gregório
Sexta-feira , Julho 3 2020 Periodicidade Diária nº 2501
Principal / Notícias / CDU acusa Câmara Municipal de esquecer Monte de São Gregório

CDU acusa Câmara Municipal de esquecer Monte de São Gregório

Uma delegação da CDU deslocou-se hoje ao Monte de São Gregório para uma visita. Carlos Almeida, candidato à presidência da Câmara Municipal de Braga, acusou a maioria no Executivo Municipal de “abandonar as famílias que lá habitam”.

Carlos Almeida, acompanhado por Carla Cruz e Bárbara Barros, candidatas à Assembleia Municipal de Braga, concordou que é preciso resolver as condições em que aqueles famílias habitam. “Com poucas condições de habitabilidade, o Monte de São Gregório aloja cerca de uma dezena de famílias. Longe dos olhares de quem vive nas imediações, escondido literalmente no monte, o ‘bairro’ é mantido e as suas condições melhoradas às custas de quem ali vive. Não se compreende como é que ninguém da Câmara Municipal ou da Bragahabit tenha aqui vindo durante todo este mandato, de acordo com o que nos dão nota os moradores”, espantou-se o vereador comunista.

Para a CDU, a solução definitiva para os agregados familiares que vivem no Monte de São Gregório “será o seu realojamento, com a devida inclusão na sociedade maioritária, com condições adequadas de vida e de segurança”. Carlos Almeida acrescentou que “seria um erro transferir apenas estes moradores para outro bairro sem condições de habitabilidade”, defendendo uma integração plena e ajustada.

Enquanto não se resolver em definitivo o realojamento destas famílias, a CDU entende ser necessário “tomar medidas de imediato no Monte de São Gregório, efetuando a desmatação do monte circundante por questões de segurança, fazer a limpeza da zona envolvente e melhorar as condições de salubridade do local”.