UMinho leva a ciência aos cidadãos
Sexta-feira , Setembro 14 2018 Periodicidade Diária nº 1843
Principal / Notícias / UMinho leva a ciência aos cidadãos

UMinho leva a ciência aos cidadãos

A Escola de Ciências da Universidade do Minho (ECUM) promove a 15, 21 e 22 de setembro um ciclo de atividades experimentais abertas ao público, em Braga e Macedo de Cavaleiros. O projeto, batizado de ‘Ciência na Cidade!’, visa aproximar a ciência dos cidadãos e antecipar a Noite Europeia dos Investigadores (NEI), que se assinala a 28 de setembro.

Este sábado, às 10h00, há uma visita guiada ao Banco Português de Germoplasma Vegetal, em S. Pedro de Merelim. Trata-se da entidade nacional responsável pela conservação dos recursos genéticos vegetais para a alimentação e agricultura, garantindo estes recursos para as gerações vindouras. No dia 21, às 21h00, prevê-se uma visita ao espólio de farmácia do Palácio do Raio, no centro da cidade, incluindo a palestra ‘A aventura de descobrir novos medicamentos’, pela professora Alice Dias.

Já no dia 22 realiza-se uma saída de campo ao Geoparque Mundial UNESCO Terras de Cavaleiros, em Macedo de Cavaleiros. O seu coordenador científico, Diamantino Pereira, vai orientar o percurso geológico pelo chamado Maciço de Morais. Nesse dia, de volta a Braga, o Parque da Ponte é palco do projeto de educação ambiental ‘Biobuscas’. As crianças são desafiadas a encontrar nessa manhã várias espécies animais e vegetais, apontando-as em mapas e aprofundando conceitos como biodiversidade, sustentabilidade e respeito pela natureza. Para inscrições e mais detalhes, basta consultar http://bit.ly/nei2018braga.

A NEI decorre no dia 28 em centenas de cidades da Europa e Israel. A ECUM volta a participar no movimento, através do consórcio de instituições superiores nacionais ‘SCILIFE – Ciência no dia-a-dia’, financiado pelas ações Marie Curie. Em Braga está a ser preparado um programa especial para o Altice Forum, com atividades das 14h30 às 24h00. A NEI é promovida desde 2005 pela Comissão Europeia, com apoio de inúmeras entidades, afirmando a interação dos cientistas com o público, desde crianças a seniores, além de permitir descobrir a ciência de forma divertida e promover a investigação como carreira, explica o vice-presidente da ECUM e coordenador do projeto, José Brilha.

Acerca Braga TV