UMinho entregou Prémios de Mérito Desportivo a 63 estudantes
Domingo , Abril 21 2019 Periodicidade Diária nº 2062
Principal / Desporto / UMinho entregou Prémios de Mérito Desportivo a 63 estudantes

UMinho entregou Prémios de Mérito Desportivo a 63 estudantes

A Universidade do Minho (UMinho) premiou 63 dos seus estudantes/atletas que conjugaram em 2017/2018, a excelência desportiva com o sucesso académico. A iniciativa de premiação do mérito levada a cabo desde 2009, visa conferir à formação integral da comunidade estudantil e às carreiras duais, uma importância cada vez maior.

A Cerimónia de Entrega dos Prémios de Mérito Desportivo, decorreu este sábado, no Restaurante Panorâmico da UMinho, no Campus de Gualtar, em Braga, a qual contou com as presenças, entre outros, do pró-reitor, Paulo Cruz, do Administrador dos Serviços de Acção Social, António Paisana, do presidente da Associação Académica, Nuno Reis, do presidente da Federação Portuguesa de Futebol, Fernando Gomes, da vereadora do Desporto da Câmara Municipal de Braga, Sameiro Araújo, do vereador do desporto da Câmara Municipal de Guimarães, Ricardo Costa, responsáveis da Reitoria, presidentes de Escola e diretores de Curso, responsáveis universitários, políticos e desportivos locais e nacionais, entre outros.

“Esta cerimónia serve para que estas pessoas se sintam reconhecidas pela Instituição que representam”, destacou Administrador dos SASUM, referindo-se não só a atletas, mas também dirigentes, técnicos e profissionais.

Reconhecendo o “trabalho, dedicação e empenho” necessários para se conseguir conciliar a excelência desportiva com o sucesso académico, António Paisana pretendeu desmistificar a ideia que os dois mundos são inconciliáveis, dando como exemplo os 63 estudantes da UMinho reconhecidos nesta cerimónia, que conseguiram o sucesso em ambas as vertentes, destacando para além destes, o Prémio de Mérito Desportivo atribuído a Rui Bragança (Taekwondo, Mestrado Integrado em Medicina) “um prémio devido há algum tempo e agora confirmado”, disse. No total, os SASUM entregaram hoje, 13.613,25 euros em Prémios de Mérito Desportivo.

“Podemos, pois, orgulhar-nos de produzir campeões, mas também da projeção internacional resultante da nossa capacidade de organizar competições universitárias de relevo”, referiu o responsável dos SASUM, destacando o Mundial Universitário de Ciclismo organizado em 2018, bem como, os Campeonatos Nacionais Universitários e Europeu de Futsal que serão organizados em 2019.

Para além destes 63 estudantes que conseguiram arrecadar o Prémio de Mérito Desportivo, o desporto na UMinho não se cingiu a este facto, tendo sido conquistadas a nível nacional, durante a época 2017/18, 33 medalhas de ouro, 28 medalhas de prata e 37 medalhas de bronze. A nível europeu, a UMinho participou com 46 atletas, em seis modalidades, tendo sido arrecadada uma medalha de prata através do futsal masculino. A nível mundial, a UMinho participou com 11 atletas, em quatro modalidades, tendo arrecadado uma medalha de bronze no mundial universitário de ciclismo, este organizado em Braga, no qual participaram 19 países e 138 atletas de todo o mundo. A UMinho foi ainda distinguida pela EUSA, como a instituição de ensino superior mais ativa da Europa.

“É importante e possível formação e desporto andarem de mãos dadas”, a afirmação foi de Tarantini, convidado especial destes Prémios de Mérito Desportivo. O jogador profissional de futebol e capitão de equipa do Rio Ave, veio dar o seu testemunho, como um profissional de futebol que não abdicou de estudar.

Tarantini falou do seu percurso dual, e da importância que este tem, afirmando ser um exemplo disso mesmo e, sublinhando, que apesar de possível “exige um grande esforço e sacrifício”. Atualmente a doutorar-se na Universidade da Beira Interior, o capitão do Rio Ave assevera que “é importante para nós atletas, conseguir fazer um caminho académico para mais tarde termos uma maior qualidade de vida”.

Outro bom exemplo de carreira dual foi Fernando Gomes, presidente da FPF, que notou que também ele, foi atleta de basquetebol no FCPorto, estudava e trabalhava ao mesmo tempo. “O estudo e o desporto complementa-se reciprocamente na formação do indivíduo”, disse, afirmando que “a prática desportiva de alto rendimento deve ser objeto de medidas de apoio especificas, em virtude das particularidades, e exigências de preparação dos respetivos praticantes”.

Destacando o papel da UMinho, Fernando Gomes afirmou que a Academia “foi pioneira em Portugal”, criando em 2005 um programa de apoio tutorial aos estudantes de alto rendimento desportivo. Um programa que tem prestado apoio a centenas de estudantes /atletas, para que estes possam conciliar a atividade académica com a exigente prática desportiva de alto rendimento. Um programa que garantiu “inspirou outras instituições de ensino superior em Portugal”.

O presidente da FPF salientou ainda a visão da Universidade, realçando que “a UMinho sempre mostrou grande abertura para entender a importância que o desporto encerra na formação dos estudantes”, dando como exemplo, a parceria que a Universidade tem com o SC Braga no âmbito do futsal “um exemplo de boas práticas que gostaríamos de ver replicado”, disse.

Terminando, Fernando Gomes agradeceu à UMinho por criar condições para que os seus estudantes possam ter uma carreira dual e por sempre ter colocado “o desporto como uma prioridade estratégica da instituição”.

Nuno Reis destacou o desporto como “instrumento fundamental” para a “formação integral de cada pessoa”, saudando o facto de este ser uma aposta estratégica da UMinho. Reis felicitou todos os envolvidos na recente aprovação do Estatuto de Estudante Atleta, salientando que este é “um passo importante na promoção social do desporto e na consolidação do direito à carreira dual”.

Segundo o pró-reitor, Paulo Cruz a UMinho é um bom exemplo da aposta no desporto e nas carreiras duais, garantindo que esta celebração, e estes 63 atletas premiados “devem servir como exemplos” para que outros estudantes também apostem na sua formação académica, ao mesmo tempo que na sua carreira desportiva.

Acerca Braga TV