Santuário em Cabo Verde mandado construir por Cónego de Braga celebra 100 anos
Quinta-feira , Maio 23 2019 Periodicidade Diária nº 2094
Principal / Notícias / Santuário em Cabo Verde mandado construir por Cónego de Braga celebra 100 anos

Santuário em Cabo Verde mandado construir por Cónego de Braga celebra 100 anos

Foto: Pensão Santo Adrião de São Nicolau, Cabo Verde

D. Jorge Ortiga, Arcebispo da Arquidiocese de Braga, não irá presidir às celebrações da Peregrinação Arquidiocesana ao Sameiro, que decorrerá no próximo dia 2 de junho. O Arcebispo de Braga vai viajar até Cabo Verde para participar nas celebrações do centenário da Capela de Nossa Senhora do Sameiro do Monte Cintinha, na Ilha de São Nicolau, que passará a ser o primeiro Santuário daquele país.

A capela foi mandada construir em 1917, pelo Cónego Bouças, de Braga, e foi concluída em 1919 em honra de Nossa Senhora do Sameiro. “Em 1917, na cidade de São Nicolau da diocese de Mindelo, em Cabo Verde, o sacerdote oriundo de Braga, o Cónego Monsenhor Bouças, deu início à construção de um santuário dedicado a Nossa Senhora do Sameiro. Esta obra foi concluída em 1919 e agora, a capela dedicada a Nossa Senhora do Sameiro, será constituída como um Santuário na celebração do seu centenário”, referiu o Arcebispo de Braga.

De acordo com D. Jorge Ortiga, o bispo de Mindelo fez o convite ao Arcebispo para simbolizar essa data entre ambas as cidades, onde estes dois países unem-se a Nossa Senhora do Sameiro e desejando que a sua devoção se multiplique pelo mundo. “O bispo de Mindelo fez questão que eu estivesse presente para simbolizarmos essa nossa ligação dos dois santuários e, por isso mesmo, vou perder a Peregrinação de Nossa Senhora do Sameiro de Braga para poder estar com Nossa Senhora do Sameiro em Cabo Verde. Desejo que a Senhora do Sameiro, com a sua imagem tão bonita, maravilhosa e representativa na nossa região, possa efetivamente multiplicar-se pelos quatro cantos do mundo onde os portugueses se encontram. Isto significa para gostarmos de Nossa Senhora do Sameiro, amar a Nossa Senhora do Sameiro e fazer com que muitos outros também queiram ter a devoção a Nossa Senhora, evocando-a e procurando fazer com que a nossa vida seja melhor”, finalizou.

Acerca Braga TV