Centro Interpretativo Ambiental de Aveleda inaugurado este domingo
Sexta-feira , Julho 19 2019 Periodicidade Diária nº 2151
Principal / Freguesias / Centro Interpretativo Ambiental de Aveleda inaugurado este domingo

Centro Interpretativo Ambiental de Aveleda inaugurado este domingo

A União de Freguesias de Celeirós, Aveleda e Vimieiro, em Braga, conta agora com um Centro Interpretativo Ambiental que se define como um espaço de cidadania e um ponto de encontro para um conjunto de experiências e atividades de interacção com o meio ambiente, traduzindo-se, também, no novo Centro Escutista “O Apeadeiro”. Localizado na antiga Escola Primária do Monte, em Aveleda, este foi um dos projetos vencedores do Orçamento Participativo de 2017 que contou com um financiamento municipal de 85 mil euros e com o empenho dos escuteiros do núcleo de Braga que desenvolveram esforços para garantir o restante valor para a finalização do projeto.

“É com enorme satisfação que vemos uma iniciativa que lançamos há seis anos trazer melhorias em todo o concelho. O Orçamento Participativo (OP) é um instrumento que dá a oportunidade aos cidadãos de ajudarem a Autarquia a escolher e financiar as iniciativas ou projetos a desenvolver no território e que se tem revelado extremamente importante na gestão municipal”, referiu Ricardo Rio, durante a inauguração do espaço, que decorreu na manhã deste domingo.

O projeto idealizado por Luís Gonçalves, dirigente do Corpo Nacional de Escutas (CNE), mobilizou a comunidade e que mereceu a escolha de 1030 votantes. A junta do Núcleo de Braga do CNE vai dinamizar o espaço para toda a comunidade escutista e comunidade local, com diversas iniciativas de carácter social e cívica sempre ligadas à componente ambiental.

“O Centro Interpretativo vem dar um contributo fundamental para o desenvolvimento da freguesia e do concelho de Braga. Este será um espaço de aprendizagem onde se poderá adquirir conhecimentos sobre a importância da valorização do território e dos ecossistemas naturais”, salientou Ricardo Rio, elogiando o contributo da junta do Núcleo do CNE de Braga na concretização deste projeto que irá beneficiar muitos jovens.

O empenho dos escuteiros do núcleo de Braga e de toda a comunidade escutista, permitiu dar “nova vida” à antiga Escola Primária do Monte. Além da requalificação do edifício da antiga escola, o projeto permitiu adaptar o espaço e introduzir novas valências como um auditório, camaratas, salas de formação, entre outras áreas que também estarão à disposição de toda a comunidade. Trata-se de uma mais-valia para a freguesia, para o concelho e para a comunidade escutista do núcleo de Braga que cria, assim, mais condições para trabalhar os objetivos educativos do escutismo.

O novo Centro Escutista “O Apeadeiro” passa a ser um ponto de encontro, onde se pode conhecer e interpretar o património natural e pretende fomentar uma cidadania ativa, atenda e conhecedora do mundo que nos rodeia. O projeto vem, assim, dar um contributo para a educação cívica, onde serão desenvolvidas diversas atividades abordando os diferentes aspectos relativos ao património natural, social e cultural da região.

Acerca Braga TV