Braga recebeu ação de promoção turística da Província de Pontevedra
Quinta-feira , Junho 20 2019 Periodicidade Diária nº 2122
Principal / Notícias / Braga recebeu ação de promoção turística da Província de Pontevedra

Braga recebeu ação de promoção turística da Província de Pontevedra

O património, a cultura e a gastronomia da Província de Pontevedra, em Espanha, é a base de vários produtos turísticos apresentados esta terça-feira, em Braga, para dinamizar a procura daquela região que, em 2017, foi visitada por mais de 200 mil portugueses. Posteriormente, será a cidade de Braga a fazer o caminho inverso e a promover os seus ativos turísticos junto daquela comunidade galega.

Destacando a “forte relação histórica e cultural entre as duas cidades”, Altino Bessa, vereador do Turismo da Câmara Municipal de Braga, elogiou a iniciativa que servirá também para “promover todas as potencialidades bracarenses aos nossos vizinhos galegos, para que também eles sintam cada vez mais vontade de visitar Braga”.

Nesta “ação de charme”, que decorreu no Theatro Circo, Altino Bessa adiantou que, em Pontevedra, Braga vai “promover muito do seu património, os roteiros religiosos, além da riqueza gastronómica”, referiu o responsável, lembrando que atualmente Braga é uma das 49 finalistas da iniciativa ‘7 Maravilhas à Mesa’, “um concurso que pretende homenagear o país e as regiões mostrando o melhor dos seus produtos”.

Durante a ação de promoção turística, a cultura e o património foram os fatores apontados como os principais motivos para visitar Pontevedra, seguidos da praia e da natureza, sendo que o Caminho Português da Costa (Santiago) é, também, um dos grandes atrativos para os visitantes portugueses, que são o principal grupo a fazer esta rota de peregrinação a Santiago de Compostela. No total o ano passado foram mais de 50 mil os peregrinos que fizeram esta rota, que atravessa a província de Pontevedra, com partida em Portugal.

Esta apresentação, feita pela presidente da Diputación de Pontevedra, Carmela Silva, insere-se no plano estratégico de turismo da região, que prevê diferentes campanhas de promoção até 2020 para divulgar aquele destino e os seus recursos culturais e naturais. “Temos de ser ambiciosos e queremos cativar turistas europeus e americanos. A região do Norte de Portugal e da Galiza, com todas as suas instituições e autarquias, têm de trabalhar em conjunto para criar pacotes turísticos que envolvam as duas regiões”, explicou.

Para Carmela Silva, “Braga é uma cidade maravilhosa e tem muito em comum com na nossa história. Acredito que hajam poucos lugares no mundo que tenham tanto potencial como esta Euro-região, que une dois países numa só história e que permite a criação de produtos turísticos ligados ao património, à arqueologia, natureza, gastronomia, assim como ao turismo etnográfico, religioso e espiritual”.

Acerca Braga TV