Braga ‘convoca’ Ministro do Ambiente e 10 Presidentes de Câmara para debater Smart Cities
Domingo , Agosto 25 2019 Periodicidade Diária nº 2188
Principal / Eventos / Braga ‘convoca’ Ministro do Ambiente e 10 Presidentes de Câmara para debater Smart Cities

Braga ‘convoca’ Ministro do Ambiente e 10 Presidentes de Câmara para debater Smart Cities

A cidade de Braga volta, pelo 3ª ano consecutivo, a acolher o FICIS (Fórum Internacional das Comunidades Inteligentes e Sustentáveis), iniciativa que reúne líderes de opinião, decisores e os maiores especialistas portugueses e europeus em Smart Cities em torno de um debate e partilha de projetos capazes de potenciar a transformação das cidades portuguesas em cidades inteligentes. 

A 3ª edição do FICIS terá lugar no Museu D. Diogo de Sousa, por onde ao longo de 3 dias, de 18 a 20 de abril, além do Ministro do Ambiente, João Pedro Matos Fernandes, vão passar 10 presidentes de Câmara (Braga, Barcelos, Águeda, Bragança, Guimarães, Famalicão, Coimbra, Viseu, Santo Tirso e Amarante), para apresentar as mais recentes inovações tecnológicas implementadas nos seus municípios e discutir as melhores soluções a adotar, tendo em vista o futuro sustentável das suas cidades.

“Temos registado um interesse e recetividade cada vez maior de autarcas à temática das Smart Cities. Hoje, temas como o ambiente, a governança e a mobilidade que são incontornáveis para a qualidade de vida das pessoas que habitam e visitam as cidades. As autarquias estão cada vez mais despertas para esta realidade e empenhadas na procura de soluções que resolvam situações específicas dos seus municípios”, afirma Ana Fragata, diretora executiva do FICIS 2017.

A mesma responsável revela algumas das soluções que serão apresentadas no decorrer do FICIS 2017 e que poderão, num futuro próximo, ser adotadas por cidades portuguesas.

“Este ano vamos ter a apresentação de soluções de vanguarda na área da energia, na área da mobilidade, com exemplos de sucesso no âmbito de bike sharing e da gestão de tráfego nas cidades, soluções tecnológicas de integração de dados, bem como de eficiência energética, nomeadamente no capítulo da gestão da iluminação”, avança Ana Fragata.

Sob o lema “Fazer Cidade – Placemaking”, o FICIS 2017, onde se espera a presença de 2500 pessoas ao longo dos 3 dias da iniciativa, vai concentrar debates com temas como a sustentabilidade e inovação urbana, a inteligência nas cidades, mobilidade, sáude, energia, economia e governança em destaque.

“O percurso do FICIS permite hoje afirmar que se trata do maior evento nacional de participação gratuita sobre Smart Cities. É fundamental envolver os cidadãos de Braga e de todo o país na discussão sobre o rumo que as nossas cidades vão seguir no futuro, na medida em que os cidadãos devem partilhar das decisões na construção das cidades”, conclui Ana Fragata.

Acerca Braga TV