Alunos da EB de Gualtar vencem Concurso Nacional “Vamos Contar Uma História”
Quinta-feira , Junho 27 2019 Periodicidade Diária nº 2129
Principal / Educação / Alunos da EB de Gualtar vencem Concurso Nacional “Vamos Contar Uma História”

Alunos da EB de Gualtar vencem Concurso Nacional “Vamos Contar Uma História”

Os alunos da EB de Gualtar, do Agrupamento de Escolas Carlos Amarante, venceram o Concurso Nacional “Vamos Contar Uma História”, uma iniciativa integrada no projeto “Plataforma + Cidadania”, promovido pelo Município de Braga em parceria com a CIM Cávado.

O desafio contou com a participação das autoras convidadas Margarida Fonseca Santos e Rosário Alçada Araújo, tendo os alunos bracarenses conquistado o primeiro prémio juntamente com uma turma de Gavião, Portalegre.

O prémio consiste na edição em livro das duas histórias vencedoras, idealizadas por estes jovens e promissores escritores, revertendo as receitas, no caso de Braga, para o Colégio de São Caetano, segundo decisão da turma. Além da edição em livro, os vencedores poderão ver as suas histórias transformadas através de uma animação multimédia que, mais tarde, ficará disponível na Plataforma +Cidadania.

Durante a cerimónia de entrega de prémios, que decorreu no Colégio EFANOR, em Matosinhos, a vereadora da Educação da Câmara Municipal de Braga, Lídia Dias, lembrou que o ato de escrever e/ou contar histórias desempenha um papel extremamente relevante nas aprendizagens realizadas pelos alunos dos diferentes níveis de educação e ensino quer na aquisição de conhecimentos, quer no desenvolvimento de competências e valores. “Encaramos esta iniciativa como um meio valoroso de incentivo à comunidade educativa a desenvolverem trabalhos relacionados com o ato de escrever e contar histórias, colocando os alunos em situações educativas desafiantes, recorrendo à utilização das Tecnologias de Informação e Comunicação”, referiu Lídia Dias.

A responsável sublinhou, ainda, que “as nossas Bibliotecas Escolares estão em sintonia com a conceção educacional das Tecnologias de Informação e Comunicação, permitindo, assim, um trabalho integral entre professores e alunos no contexto biblioteca”.

Acerca Braga TV